Tumblelog by Soup.io
Newer posts are loading.
You are at the newest post.
Click here to check if anything new just came in.
paulojoaolucaslope

Governista Tenta Se Eleger No Equador Com Modo Mais Moderado Que Correa

Cinco Dicas Pra Investir Em Um Website Do Seu E-commerce


Como seu respectivo primeiro nome indica, Lenín Moreno, 63, candidato governista à eleição equatoriana do próximo domingo (19), vem de uma família de esquerda. Teu pai, um professor de faculdade pública do interior da região amazônica, era um fã do líder revolucionário soviético. Até o presente Expor Mais O Que De Edvaldo? , Moreno lidera a corrida eleitoral com cerca de 35% das intenções de voto.


Segundo as pesquisas, que no Equador não costumam ser muito exatas, a diferença entre ele e o segundo posto, o banqueiro Guillermo Lasso, é de 6 a oito pontos. Logo atrás está a também direitista Cynthia Viteri. As mesmas pesquisas, todavia, indicam em torno de 40% de eleitores indecisos. O contexto, deste jeito, não é propício a projeções muito seguras. Como Receber Seguidores E Likes No Instagram , para sair vencedor no primeiro turno, o candidato precisa ter, ao menos, 50% dos votos mais um, ou entre 40% e 50%, desde que a distância com ligação ao segundo colocado seja de 10 pontos percentuais.


Apesar de alinhado ideologicamente com Correa, Moreno difere do atual mandatário em termos de modo. É mais contido ao discursar, menos estridente e desbocado que Correa. Tem fama de ser mais conciliador e aparecia trabalhar em equipe, ao inverso de seu ex-chefe, de perfil mais centralizador. Moreno prefere, em vez dos discursos inflamados que deram fama a Correa, usar em seus comícios um tom mais suave e que pende com frequência para o humor.


  1. Promova eventos e ofertas
  2. 13 Mostra Agroindústria
  3. dois ) Você sentiu problemas pra se adaptar a esta nova proposta de conhecimento
  4. dois Equipe técnica
  5. Facebook e Instagram Ads - Palestra com Tiago Moura, da Berlim Digital
  6. Luciano Huck - Globo (12,3 milhões de seguidores)
  7. Podes haver Contratos diversificados de trabalhos para gerenciar

Isto mesmo, o humor, cenário sobre o qual o candidato já escreveu incalculáveis livros. Os simpatizantes de Moreno ouvidos pela Folha em Guayaquil e em Quito preferem ressaltar sua trajetória pessoal antes de tua ideologia política. Moreno deixou a região amazônica ainda adolescente, indo pra Quito preparar-se administração. Política Nas Mídias sociais , construiu uma empresa de turismo e casou-se. Tua existência mudou totalmente em 1998, no momento em que voltava pra moradia de uma padaria, num término de tarde, e sofreu uma tentativa de roubo. Tentou resistir e levou um tiro nas costas que atingiu sua coluna. Desde dessa maneira, perdeu o movimento das pernas e passou a se deslocar com uma cadeira de rodas.


A respeito do doído tempo de recuperação, deixou depoimentos em vídeo que imediatamente, ao longo da campanha, circulam nas redes sociais. Com o tempo, no entanto, transformou a deficiência em alguma coisa a seu favor. Começou a doar palestras motivacionais em que falava do poder de transformação e de superação pessoal por intermédio da alegria e do humor.


Tua atuação nessa área o projetou politicamente, e foi escolhido por Rafael Correa pra ser seu vice durante seus dois primeiros mandatos. No cargo, ficou famoso por percorrer bairros pobres para fazer distribuições de cadeiras de rodas, roupas e cobertores para gurias. Currículo Com o objetivo de Quê? , foi convidado por Ban Ki-moon pra assumir o cargo de enviado especial das Nações Unidas para defesa dos direitos das pessoas com deficiência. Ao deixar a vice-presidência pra variar-se para Genebra, tua popularidade beirava os 90%. No ano seguinte, chegou a ser cotado para o prêmio Nobel da Paz.



No ano anterior, Moreno voltou à cena no Equador ao se fazer presente junto às equipes de suporte às vítimas do terremoto que atingiu o país em abril do ano anterior. Trabalhou pra que os deficientes das áreas atingidas recebessem tratamento diferenciado e fez uma campanha internacional pra arrecadar fundos pras vítimas.


(PRO)
No Soup for you

Don't be the product, buy the product!

close
YES, I want to SOUP ●UP for ...